12 Dias de Natal: 3º Dia – Receitas pra ceia

On the third day of Christmas my true love sent to me  / No terceiro dia de Natal meu amor mandou pra mim
Three french hens, two turtle doves, / Três galinhas francesas, duas rolinhas,
and a partridge in a pear tree. / e uma perdiz numa pereira.

Chegou o terceiro dia desse nosso Especial de Natal, e é dia de receitas pra ceia. Eu me dei a liberdade de trocar as galinhas francesas por Peru de Natal,  que são bem mais a cara dessa época, né? E além de trocar galinhas por perus, ainda coloquei no pacote um Bacalhau Natalino pra ter opção pra todo mundo. Sou ou não sou parceira?

No terceiro dia de Natal a Sinhá trouxe pra mim
Três receitas de prato principal,
Duas dicas de presentes criativos,
E uma playlist de natal. (Continua cantando aí.)

Natal não é a mesma coisa sem ceia e muita comilança, né? Aqui no Brasil importamos o peru lá do Hemisfério Norte, (incrementado com farofinha) e apresentamos ele ao bacalhau, com quem ele vem dividindo a cena a várias gerações. Nesse terceiro dia de desafio eu vou presentear vocês com duas receitas de peru (ou chester, ou frango… a ave, pronto!) e uma de bacalhau. Como esse post ficaria gigante e nem minha irmã e leitora fiel iria conseguir aguentar vou colocar as receitas em posts separados e linkar (lincar?) elas aqui assim que sairem. Mas também não vou embora agora, fica aqui comigo mais um pouco.

receita de natal

Eu sei que a ave natalina sempre traz certas dúvidas de como temperar, como assar, como saber se está pronto. São tantas questões! E se ficar seco? E se ficar sem gosto? Calma, calma, não criemos pânico; estou aqui pra ajudar você passar dessa fase. Segura minha mão e vem comigo.

Primeiro: Aqui no Brasil nossas aves natalinas já vem temperadas, e mesmo que a gente escolha dar nosso toque pessoal, esse tempero de fábrica já ajuda que a carne não corra tanto risco de ficar sem sal. Pra saber mais de como dar um toque caseiro à sua ave separei duas receitas MARA pra vocês. Só clicar aqui ou aqui.

Segundo: Na hora de assar sua ave (inclusive frango) a dica é: forno alto no começo e baixo depois. Eu explico melhor: pre aqueça o forno entre 250º-280ºC enquanto você prepara a ave na forma. Ave a postos, coloque-a no forno alto por 15-30 min, dependendo do tamanho da sua ave. Depois desse tempo, abaixe a temperatura pra 200º-220ºC e termine de assar nessa temperatura.

“Mas pra que?” Isso vai ajudar sua ave ficar coradinha e molhadinha. Quando colocamos primeiro no forno alto, selamos a carne (pense em lacrar, não em colocar um selo pra mandar pelo correio) e ela não perde sua suculência durante o tempo que vai ficar assando, capitou? Se não capitou só confia e segue a dica que vai dar certo 😉.

Depois da primeira hora, você deve regar a ave de 30 em 30 min com o próprio líquido que fica na forma (se for um frango, comece a regar 40 min depois de colocar no forno e faça intervalos mais curtos). Tenha sempre um pouco de água ou caldo morno a postos, caso não tenha líquido suficiente na forma.

Eu particularmente, não cubro minha ave logo de cara. Mas tenho sempre papel alumínio à mão. Se ela já estiver coradinha mas não estiver assada, cubra com papel alumínio. Caso uma parte esteja mais corada que outra, você pode cobrir só a parte mais corada e deixar as outras partes pegarem mais cor.

Terceiro: Pra saber se a ave está pronta (se ela não tiver um termômetro) espete a parte de baixo da coxa (ali na região da sobrecoxa) com um garfo, se o líquido sair um pouco avermelhado ainda está cru; se sair transparente está pronto, se não sair líquido nenhum, ihhh, passou do ponto, há grandes chances dele ficar um pouco seco.

Uma regra que pode te ajudar a saber quanto tempo ele vai demorar pra assar é: calcule em torno de 40 minutos por quilo, mais 20 minutos no final. Por exemplo, esse que eu usei tinha 4,5 quilos, então 4,5 x 40 = 180 minutos = 3 horas + 20 minutos no final. Isso é uma média pra você ter uma idéia, pode ser um pouco mais ou um pouco menos. Então é bom sempre ir checando, certo?

Acho que com essas dicas já dá pra encarar sua ave de natal sem medo. Mas se alguma dúvida ainda resta, me pergunte aqui que estarei mais que feliz em responder.

Três Receitas de Prato Principal pra deixar sua ceia um espetáculo:

Ho ho ho, Sinhá

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s