Receitas pra Ceia – Peru de Natal

Como aqui a gente não dá só a dica, cheguei com uma receita de peru espertona pra abrilhantar mais a sua ceia de natal. Apesar de toda a controvérsia que possa ter, Peru de Natal é o prato mais característico dessa época. E se você sempre quis saber como fazer um peru de responsa, estou aqui pra resolver seus problemas.

No post anterior (o que? não leu ainda? corre lá!) eu destrinchei com você os segredos pra se temperar e assar uma ave (o trocadilho foi proposital). Pode ser peru, chester, fiesta, frango, as dicas se aplicam a todos eles. Com essas dicas em mente, vamos ver aqui ideias pra personalizar seu prato, porque não nos conformamos com temperos prontos.

Existem algumas formas de se temperar uma ave inteira, mas o a idéia é sempre a mesma, deixar a carne no tempero por um período de tempo para pegar sabor. Vou ensinar duas formas, uma marinada “seca”, e outra marinada líquida. Vou começar por essa última.

Aproveito pra pedir desculpas pelo tamanho que ficou o post, mas é que eu quis deixar tudo beeem explicadinho. Não se assuste, belê?

IMG_3985

O peru que eu usei tinha em torno de 4,5 kg , então as proporções estão pra esse tamanho de ave. Caso use uma ave menor ajuste as quantidades pra o tamanho da sua ave.

Peru de Natal (marinada líquida)

  • 1 peru (4,5 kg) – inteiro, descongelado

Marinada

  • 2,5 l de água
  • 1/3 de xícara de sal (porque o peru já está temperado, caso sua ave não vier temperada, aumente a quantidade pra 3/4 de xícara de sal)
  • 1/2 de xícara de açúcar refinado
  • 1 laranja grande, cascas e fruta
  • 1 limão (verde ou amarelo, tanto faz), cascas e fruta
  • 7 dentes de alho
  • Alecrim, tomilho e sálvia (ou outra combinação de ervas que você prefira ou seja mais fácil pra achar onde você mora)

Coloque 1 l da água numa panela e o outro 1,5 l no congelador (a gente vai usar pra esfriar o caldo no final).

Junte os outros ingredientes da marinada na panela, descasque a laranja e o limão, coloque as cascas na água, corte as frutas ao meio e coloque na panela também (pode espremer as frutas lá dentro)  e leve ao fogo pra ferver. Depois de fervido, desligue o fogo e acrescente o restante da água gelada (aquela que a gente colocou no congelador, lembra?). Se estiver com pressa pode usar o equivalente a essa quantidade de água em gelo.

Esse ‘caldo’ tem que esfriar completamente antes de você colocar o peru dentro. Isso é muito importante! Se você colocar o peru na marinada morna ele começa a cozinhar antes do tempo e acredite, vai dar ruim. Colocar uma parte da água gelada no final ajuda o caldo a esfriar mais rápido.

IMG_3959

Depois do caldo frio, prepare o peru. (Já falei que é MUITO IMPORTANTE que o caldo esteja frio?) Limpe a ave, retire o saco plástico com os miúdos de dentro (outra coisa importante), e lave a ave. Isso mesmo, pode me chamar da louca da lavação (essa palavra existe?), mas é importante lavar o peru nesse caso para tirar o excesso do tempero da fábrica, assim a gente não corre o risco de salgar o bichinho. É só pra lavar em água corrente, não preciso dizer que não é pra passar sabão nem esfregar com esponja, né?

Dessa vez você não precisa secar. Acomode o peru dentro de um saco plástico grande e forte, se o saco for muito fino, use dois. Ah, o saco deve ser próprio pra alimentos, não vai usar sacola de mercado, combinado? Mesmo usando um saco forte eu não confio muito, então eu ainda ponho dentro de uma assadeira ou bacia, pra ficar mais seguro contra vazamentos na geladeira.

Coloque todo o ‘caldo’ dentro do saco junto com o peru, com todos os legumes e temperos. Talvez você precise de uma mão amiga pra te ajudar nessa etapa. Amarre bem a boca do saco com barbante e leve à geladeira de um dia pro outro, virando o peru pelo menos duas vezes nesse intervalo. Depois disso ele estará pronto para assar.

Para assar:

  • 1 cenoura grande
  • 1 cebola
  • 1/2 cabeça de alho
  • 2 – 3 talos de salsão (aipo)
  • Um bom punhado das mesmas ervas que você usou no caldo, inteiras
  • 100g de manteiga em temperatura ambiente
  • Um punhado das ervas picadinhas (pra misturar na manteiga)
  • Sal e Pimenta do reino a gosto

Preaqueça o forno alto (250º-280ºC).

Descasque e corte a cebola e a cenoura (reserve a casca da cenoura) e o salsão, em pedaços grandes. Amasse os dentes de alho, nem precisa descascar. Arrume isso numa assadeira grande.

Retire o peru da marinada e lave rapidamente, descarte os legumes, mas reserve as cascas de laranja e limão. Agora você vai ter que secar a ave com papel toalha. Coloque na assadeira junto com os legumes e ervas não picadas, arrume-os em volta e dentro do peru. Coloque também o pescoço e os miúdos num cantinho.

Misture a manteiga, as ervas picadas e tempere com pimenta do reino moída na hora e sal a gosto numa vasilha a parte. EXTRA: Eu por acaso tinha cranberries em casa que piquei e acrescentei na manteiga também, mas isso é super opcional. Se você gosta de um um toque adocicado e não tiver cranberries por perto pode experimentar com passas.

Com a mão, ou com o auxilio de uma colher, solte a pele do peito da carne, com cuidado pra não furar e rasgar a pele. Coloque uma parte da manteiga por baixo da pele, espalhando, e a manteiga restante espalhe por toda a ave (isso, com a mão mesmo). Besunte bem, cobrindo todas as áreas, lembrando de passar um pouco na cavidade do peru. Pronto, agora vá lavar as mãos.

Coloque o peru no forno alto por 30 min, e depois mude pra forno baixo. (Conforme eu expliquei aqui.)

Agora você me pergunta: “pra que eu reservei essas cascas aqui?”. É o seguinte, coloque as cascas reservadas (cenoura, laranja, e limão) numa panelinha com umas duas xícaras de água e leve ao fogo pra ferver bem. Caso não tenha caldo suficiente na assadeira pra regar o peru na primeira vez, use a água dessa fervura (descartando as cascas).

Depois da primeira hora você vai regar o peru de 30 em 30 minutos. Eu programo o timer pra não esquecer. Como eu já mencionei no outro post, eu não cubro a ave logo de cara, deixo ela pegar uma corzinha antes de cobrir.

Uma regra que pode te ajudar a saber quanto tempo ele vai demorar pra assar é: calcule em torno de 40 minutos por quilo, mais 20 minutos no final. Por exemplo, esse que eu usei tinha 4,5 quilos, então 4,5 x 40 = 180 minutos = 3 horas + 20 minutos no final. Isso é uma média pra você ter uma idéia, pode ser um pouco mais ou um pouco menos.

Depois de assado, retire o peru do forno, e deixe ele descansar coberto com papel alumínio por pelo menos 30 min. Coe o líquido que ficou na forma, e reserve os legumes para servir. Se o líquido não ficou muito salgado você pode utiliza-lo pra preparar um molho, se estiver espertinho no sal use só um pouco pra regar o peru na hora de levar à mesa.

IMG_3986

Prepare os guardanapos, porque vai estar de babar. Vai por mim.

IMG_3987

🎶”É tão suculento… Isso é que é Feliz Natal.”🎶

Dúvidas? Dicas? Sugestões? Dar um ‘oi’? Deixe um comentário aqui, prometo que respondo!

Hohoho, a Sinhá 🤶🏾

Anúncios